sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

NATAL-RN: BARREIRAS POLICIAIS INIBEM AÇÃO DE BANDIDOS



O Governo do Estado do Rio Grande do Norte continua, por meio de ações da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), desenvolvendo operações de repressão aos crimes. Diariamente, barreiras policiais são feitas em pontos itinerantes da Grande Natal, como forma de inibir os marginais e oferecer uma maior segurança aos potiguares e visitantes.

Nesta quarta-feira (25), à tarde e à noite, a Polícia Militar instalou barreiras em sete pontos: avenida Omar O’Grady (prolongamento da Prudente de Morais), avenida Hermes da Fonseca (Tirol), avenida Dr. Mário Negócio (Quintas), Ponte de Igapó, avenida Governador Sylvio Pedroza (Areia Preta), estrada de Mangabeira e Parnamirim (perto do Caic), próximo à cidade de Macaíba.

Motoristas e motociclistas foram abordados, apresentando documentos pessoais e dos veículos.

Para o comandante geral da PM, coronel Francisco Canindé de Araújo Silva, o trabalho da sua tropa repercute diretamente na diminuição da criminalidade.

“Apreendemos armas, veículos, drogas, documentos ilegais, já prendemos suspeitos, evitamos assaltos. Nessas barreiras, instaladas todos os dias, nossa maior arma é o fator surpresa, uma vez que elas são móveis, dificultando o desvio de onde estão”, disse.

O secretário de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social, Aldair da Rocha, reforça a determinação da governadora Rosalba Ciarlini de proporcionar dias de maior tranqüilidade aos potiguares, garantindo que as ações policiais são planejadas e colocadas em prática a partir de levantamentos feitos pelo Serviço de Inteligência da Sesed, além dos dados repassados pela Subcoordenadoria de Estatística e Análise Criminal (Seac), criada na atual gestão, que balizam as diligências.

“Antes, as polícias do Rio Grande do Norte trabalhavam de maneira empírica, sem uma análise científica das ocorrências, mas a realidade mudou desde o ano passado e hoje trabalhamos de forma mais objetiva, mais proveitosa. Vamos continuar trabalhando sem cansar, porque é uma determinação da governadora Rosalba Ciarlini oferecer uma segurança de qualidade ao nosso povo. Sabemos que enfrentamos algumas dificuldades, por causa da condição que encontramos o Governo, mas isso não tem nos deixado parados ou desanimados, muito pelo contrário: estamos unidos e dispostos a trabalhar cada vez mais”, afirmou Aldair da Rocha.

======================================================

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

DOIS ASSASSINATOS SÃO REGISTRADOS NO BAIRRO CARLITO PAMPLONA EM FORTALEZA


Paulo Henrique dos Santos Pereira foi executado na Rua Ana Facó. O acusado fugiu numa moto
Dois crimes de morte, cometidos praticamente no mesmo horário, foram registrados, na manhã de ontem, no bairro Carlito Pamplona, na Zona Oeste da capital cearense. O primeiro teve conotação passional e o segundo teria sido um acerto de contas ou vingança. Por volta de 7h40, a empregada doméstica Maria José Gomes de Oliveira, 45, foi assassinada, a golpes de faca, no cruzamento das ruas Engenheiro João Nogueira e Domingos Bonifácio.

O acusado crime é o vigia de rua conhecido por Dênis, ex-companheiro da vítima. Ele não aceitava o fim do relacionamento e por isso passou a fazer ameaças de morte. Após desferir os golpes, ele deixou a faca cravada abaixo da axila direita e fugiu de bicicleta.

Os dois moraram juntos por quatro meses, entretanto as constantes brigas e a violência por parte de Dênis fizeram com que Maria José Gomes pedisse a separação. Ele jamais aceitou o fim do relacionamento e passou a fazer ameaças à ex-companheira, que foi à Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) e registrou um Boletim de Ocorrência (BO).

Mesmo sabendo que foi denunciado à Polícia, Dênis não parou de perseguir a ex-companheira. Na noite de anteontem, ele foi à casa de Maria José Gomes, na Rua Gomes Passos, no mesmo bairro. Lá houve uma discussão acirrada, mas o vigia foi embora. Na manhã de ontem, a mulher foi deixar o filho na escola e acabou sendo morta com várias facadas
Troca de tiros
O segundo crime de morte foi decorrente de uma rixa antiga. Paulo Henrique dos Santos Pereira, 17, foi assassinado a bala, após trocar tiros com dois homens que ocupavam um motocicleta. O tiroteio ocorreu na Rua Ana Facó. PMs do Ronda do Quarteirão e da 3ª Companhia do 5ºBPM (Pirambu) fizeram o cerco e prenderam os acusados, um deles identificado como Erivaldo da Mata de Souza, 30.
Maria José Gomes de Oliveira, 45 tombou na Rua Domingos Bonifácio, atingida com vários golpes de faca


blog valcemir noticias

Leia mais no site: =

HTTP;/ftadecamocim .blogspot.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário